Google+ Followers

sábado, 8 de dezembro de 2012

REFLEXÃO

BOM DIA!...
O texto de hoje fala sobre a união entre as pessoas (parte de um texto de Edson Santos Santos).





NADA ENTRE NÓS


Hoje, parece que a comunhão, a mesma alegria e satisfação de estar junto com outro irmão não se assemelham com a igreja de Atos. Há pessoas que criam barreiras em relação a outras e não permitem que o Espírito Santo atue promovendo a união e o amor independente de quem seja. Muitos trocam o privilégio de fazerem parte do corpo de Cristo para fazer parte de qualquer tipo de reunião. Não pode ser assim. Deus quer trabalhar com o conjunto. Não existe pastor, obreiro ou diácono, evangelista ou missionário que trabalhem sozinhos. O que seria do líder sem os liderados ou o contrário, os liderados sem o líder?

Deus quer que a sua santidade e seu amor seja conhecido entre todos os homens e Ele escolheu a igreja para tornar esse plano uma realidade. Cada um de nós é a igreja, juntos fazemos parte da igreja universal, o corpo de Cristo. Precisamos compreender e permitir que o Espírito Santo quebrante o nosso coração e nos torne maleáveis a sua obra para que tenhamos pleno conhecimento do amor de Deus e vivamos nesse amor uns para com os outros. Não importa o que aconteceu se foi uma ofensa, uma decepção, uma palavra dura ou a falta de atenção de algum irmão em Cristo. Permita que o Senhor te ensine a perdoar e viva a vontade do Pai. A vontade Dele é que Jesus seja conhecido por todos os homens da face da terra e isso depende de cada um e de todos juntos. Abra o coração e deixe o Espírito Santo derramar a cura, o perdão, a restauração e resgatar o amor, o primeiro amor em seu coração. “e oro para que vocês, arraigados e alicerçados em amor, possam, juntamente com todos os santos, compreender a largura, o comprimento, a altura e a profundidade, e conhecer o amor de Cristo que excede todo conhecimento, para que vocês sejam cheios de toda a plenitude de Deus.” (Ef; 3.17-19).

Sejamos um no amor de Cristo e sejamos um para que todos conheçam a Cristo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário