Google+ Followers

terça-feira, 2 de abril de 2013

CRIATIVIDADE & NEGÓCIOS

ECONOMIA CRIATIVA( EMPREENDER)


“A economia criativa é a economia das micro e pequenas empresas.” A afirmação é de Lala Daheinzelin, autora de diversos livros sobre o tema e uma das pioneiras do assunto no Brasil. Lala esteve em Curitiba para participar como conferencista da Feira do Empreendedor 2013 – Paraná, realizada pelo Sebrae-PR em março.
Com o título “Economia criativa, negócios inovadores e sustentáveis”, Lala mostrou em sua palestra que a economia criativa é medida pelo conhecimento, pela criatividade e pela experiência, ou seja, por tudo o que não é palpável. “Trabalhar com o intangível é crescer de forma exponencial. Tudo o que se organiza em torno do palpável, como o petróleo, terra, materiais, não se multiplica com o uso.”
Nas micro e pequenas empresas, a economia criativa é a chave para todos os tipos de atividades. Os empreendedores devem reconhecer o que cada um tem como único e, em seguida se conectar com os outros, difundindo o conhecimento e outras idéias.
"Não trabalhe sozinho, o trabalho colaborativo é o meio para os pequenos tornarem-se grandes."
Lala também acredita que o empresário de micro e pequena empresa deve considerar que a riqueza e os recursos não são apenas monetários. “O conhecimento e a experiência são recursos multiplicáveis”, entende. Para ela, a economia criativa é a multiplicação de informações e está presente em todos os níveis, não apenas na área cultural, como teatro, cinema, galerias de arte, dentre outros.
“O imigrante quando chega a uma terra desconhecida não leva nada do seu tangível. Não traz moeda, bens ou terra, mas traz o seu conhecimento, experiência e cultura, e é isso que de fato gera riqueza".


Nenhum comentário:

Postar um comentário